Simpatia, empatia e compaixão…

Sem títuloOlá pessoal!

Vocês sabem a diferença entre simpatia, empatia e compaixão?

Pesquisando no site – http://www.significados.com.br, temos:

Simpatia é um sentimento de afinidade que atrai e identifica as pessoas, é uma tendência instintiva que leva o indivíduo a estabelecer uma harmonia com o outro, permitindo a criação de laços de amizade.

Simpatia é a capacidade que as pessoas têm de participar das emoções alheias, podendo variar entre a mera aceitação e compreensão dos sentimentos do próximo e a completa identificação dos próprios estados emotivos com o do outro.

São sinônimos de simpatia: inclinação, afeição, afinidade, tendência e atração.

Simpatizar pode ser uma relação de atração ou inclinação que algo ou mesmo uma ideia exerce sobre alguém, ou seja, o ato de gostar de alguma coisa que despertou seu interesse.

Ter simpatia é ser amistoso, ser agradável, ser educado, é demonstrar gentileza e amabilidade para com o outro.”

Empatia significa a capacidade psicológica para sentir o que sentiria uma outra pessoa caso estivesse na mesma situação vivenciada por ela. Consiste em tentar compreender sentimentos e emoções, procurando experimentar de forma objetiva e racional o que sente outro indivíduo.

A empatia leva as pessoas a ajudarem umas às outras. Está intimamente ligada ao altruísmo – amor e interesse pelo próximo – e à capacidade de ajudar. Quando um indivíduo consegue sentir a dor ou o sofrimento do outro ao se colocar no seu lugar, desperta a vontade de ajudar e de agir seguindo princípios morais.

A capacidade de se colocar no lugar do outro, que se desenvolve através da empatia, ajuda a compreender melhor o comportamento em determinadas circunstâncias e a forma como o outro toma as decisões.

Ser empático é ter afinidades e se identificar com outra pessoa. É saber ouvir os outros, compreender os seus problemas e emoções. Quando alguém diz “houve uma empatia imediata entre nós”, isso significa que houve um grande envolvimento, uma identificação imediata. O contato com a outra pessoa gerou prazer, alegria e satisfação. Houve compatibilidade. Nesse contexto, a empatia pode ser considerada o oposto de antipatia.

Com origem no termo em grego empatheia, que significava “paixão”, a empatia pressupõe uma comunicação afetiva com outra pessoa e é um dos fundamentos da identificação e compreensão psicológica de outros indivíduos.

A empatia é diferente da simpatia, porque a simpatia é maioritariamente uma resposta intelectual, enquanto a empatia é uma fusão emotiva. Enquanto a simpatia indica uma vontade de estar na presença de outra pessoa e de agradá-la, a empatia faz brotar uma vontade de compreender e conhecer outra pessoa.

Na psicanálise, por exemplo, a empatia significa a capacidade de um terapeuta de se identificar com o seu paciente, havendo uma conexão afetiva e intuitiva.”

Lendo os significados tenho uma grande percepção que precisamos trabalhar a empatia para evoluirmos para a inteligência relacional que falei nos últimos posts. Vocês concordam? Como é difícil essa evolução, principalmente quando temos na mente que sempre tem alguém se aproveitando da nossa empatia, que tem alguém nos fazendo de bobos, oportunistas nos atacam! Concordam que o mundo ainda pensa muito assim? E quantas vezes nosso vizinho só olha para o próprio umbigo, só quer o melhor para ele? Quantas vezes pensamos assim ou ouvimos alguém falando assim?

Esses pensamentos existem em todos nós, podemos até nos envergonhar de assumir, mas existem mesmo com o pensamento de defesa – que é natural do ser humano, da nossa formação, da nossa cultura, afinal de contas quantas vocês ouvimos que precisamos nos defender? Quantas vezes? Fica esperto (a) menino (a)!

Eu vejo que a evolução para alcançarmos a inteligência relacional será uma estrada delicada e longa, até pela dificuldade que temos de olharmos para nós mesmos e assumirmos determinados sentimentos, atos; imagina se tivermos de nos colocarmos no lugar do outro e com um “olhar puro”, um olhar sem crenças…

Essa evolução será linda quando conseguirmos ter as percepções! Ansiosa por ver os primeiros casos, primeiros estudos! O Caminhar junto é tão mais produtivo, o trabalho em equipe, as somas de olhares, de percepções, de especializações (o melhor de cada um)… Lindo de se ver e de viver!

Estou pensando nos sentimentos que preciso trabalhar que são tão fortes no meu anterior… verdade, justiça, lealdade, ética… como achar o equilíbrio entre estes sentimentos pelo meu ponto de vista e pelo do outro? Será que o meu é o certo e o outro é errado ou será que temos variantes a serem estudas, observadas e acima de qualquer coisa e para começar respeitadas! Tudo na vida deve se começar com respeito, e este acho que é o primeiro ponto a ser trabalhado…

“Compaixão é um sentimento típico dos seres humanos e que se caracteriza pela piedade e empatia em relação à tristeza alheia. A compaixão desperta a vontade de ajudar o próximo a superar os seus problemas, consolando e dando suporte emocional.

Uma pessoa que tem compaixão ao próximo é aquela que consegue compreender o estado emocional alheio e ter dó de sua condição, desejando que esta consiga superar ou aliviar o seu sofrimento. Por exemplo, se alguém sente tristeza por presenciar a miséria ou infelicidade de outro indivíduo, esta empatia pode ser entendida como compaixão.

Diferentemente do simples sentimento de empatia, a compaixão se foca no desejo da pessoa de aliviar o sofrimento da outra pessoa. Neste casos, por exemplo, são comuns os atos altruístas.

A compaixão é descrita como um sentimento essencial para a manutenção da paz na humanidade, sendo descrita como a base para diversas doutrinas e crenças religiosas, como o budismo, o catolicismo, o espiritismo, entre outras.

Alguns dos principais sinônimos de compaixão são: pena; compaixão; dó; misericórdia; compadecimento; comiseração; condolência; pêsame; pesar; lástima; sensibilidade; miseração e clemência.”

No planeta precisamos de muita compaixão, no mundo corporativo precisamos evoluir para empatia e na vida precisamos de seres mais simpáticos. 😉

Precisamos entender e aceitar que somos humanos e estamos sempre em evolução, em construção, nos permitir, aceitar e apoiar mais.

Vamos juntos para a evolução!!!

Bjos e até o próximo post!

Sou Grata! 😉

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s